Poesia

Alegoria da Inspiração.
Columbano Bordalo Pinheiro (1857-1929).
Óleo sobre tela (65,5 ; 105,5 cm).
Palácio Nacional da Ajuda, Lisboa.

POESIA PORTUGUESA